A Mulher sensual é poderosa em todas as idades.



Izabelle Valladares 






Caro Leitor, falar sobre sensualidade é algo muito atual, pois vivemos em um mundo de imagens e sexy appel popularizado em redes sociais, mídias e por todos os lados que olhamos. Isso aguça ainda mais a sexualidade, tanto nos homens quanto nas mulheres.É claro que ser bonita ajuda em diversos campos da vida, mas, o que venho falar agora é sobre ser sensual, o que é bem diferente. Um olhar sexy, vale mais que uma micro-saia

Mikaelle Moore



Há mulheres lindas, mas, totalmente apáticas e há mulheres que não são tão bonitas, mas, em qualquer lugar que chegam são percebidas, isso se chama sensualidade, e isso vem dentro de você desde quando nasce.
Marilina Baccarat

Silvia Márcia Lima Mello 



Somos capazes de identificar isso na pessoa desde muito nova e vemos senhoras tão charmosas e sensuais que são impossíveis de não serem notadas, e provavelmente, o sexo oposto quando as observa deve pensar primeiramente com desejo e depois e conhecer a personalidade da mesma.
Esse desejo nos acompanha a vida inteira e é formalizado em atos, gestos, maneira de tocar, olhar, maneira de se vestir, de rir, de falar.

Isis Berlinck Renault 






Há pessoas que não hesitam em usar uma voz sensual ao telefone e do outro lado da linha e  certamente, o timbre arrepia quem está ouvindo, outras que não se incomodam com a sensualidade, a usam de qualquer maneira. Isso é exercitar a sua sensualidade.


Vitória Valadares 

A minha observação para essa postagem é que a mulher quando quer ser sensual ela sabe usar todas as armas e elementos de sedução e isso não é apenas no quesito amoroso, isso é para tudo na vida, ela sabe ser sensual ao pedir o café na padaria, sabe ser sensual ao ajeitar os cabelos, ao limpar a boca no guardanapo, ao caminhar sabendo que pode ser observada, ao escolher a melhor lingerie para dormir, mesmo indo dormir sozinha, enfim, sabe que quem é sensual, é sensual 24 horas.

Eliane Morais 


Ao observar o comportamento de mulheres de diversas idades, percebo que a mulher sedutora, ela é mais segura de si, não se importa se tem uma celulite ou uma estria aqui ou lá, ela sabe que quem a deseja , irá desejá-la por completo, não é um corpo fitness que a faz a mulher mais desejada do mundo, digo por experiência, pois já fui bem gordinha e era uma mulher desejada todos os dias, e muito segura de mim e de minha sexualidade, enquanto ouvia muitas vezes amigas com o corpo impecável, se lastimando de falta de sexo, de falta de homem, etc... e isso por quê? Por que não sabem usar seu poder de sedução, pois a mulher sensual ela precisa ser bem resolvida, ela precisa de olhares desejosos, como já ouvi muitas afirmarem, se eu sair de casa andar 200 metros e ninguém mexer comigo eu volto pra casa pois  tem algo errado.


Eliane Morais
Dilmaria Alves




Essas mulheres tem uma necessidade vital de serem notadas, e como isso se desenvolve desde muito cedo, não aceitam parceiros que as olhem de outra maneira sem ser da maneira de mulheres poderosas que realmente são. A mulher sensual é bem resolvida, na cama e fora dela, não deixa espaço para ser ciumenta porque ela sabe o frisson que causa quando está em uma relação fechada e se não se sente poderosa ela é a primeira a tirar seu time de campo.
Jessika Valadares


Hoje estou me direcionando as mulheres, mas é claro, que temos muitos homens extremamente sensuais de todas as idades, homens de cabelo branco muitas vezes, não tão em forma, mas que chamam nossa atenção quando passam, outros, ao contrário, muitas vezes super In, não exercem nenhum tipo de atração em nós mulheres, entendem o diferencial?


Grace Gomes

O parceiro perfeito nos faz se sentir mais sexy, é fato! Pois nos fazem nos sentir desejadas já na hora de acordar , mesmo com a cara amassada, quando tocam nossa pele, com o toque de desejo, cheiram nosso corpo sentindo realmente a mulher que está com eles, e isso desperta mais ainda a nossa sexualidade.

Mikaelle Moore


Claro que devem haver milhares de mulheres que apesar de muito sensuais se aprisionam em Tabus e não deixam seu verdadeiro "Eu" falar mais alto, outras... Tolidas desde a infância e adolescência por pais conservadores, sentem-se aprisionadas a essa relação, ser fêmea. X ser mulher, isso não significa ser heterossexual, isso é um post para o sexo feminino, independente de sua opção sexual, qual de nós mulheres não acha a cantora Ana Carolina ultra sexy??? E quem de nós não acha que a Claudia Leite extrapola no que ela quer chamar de sexy e cai no vulgar , virando muitas vezes motivo de chacota, seguindo seus passos, não muito atrás vem Anita, linda, jovem, talentosa, mas que ao querer abusar da sensualidade acaba caindo no escracho comportamental, pois a mulher sexy, não precisa de exageros.

Resultado de imagem para anitta exagera


Mulher Sensual não segue paradigmas

Débora Soares



A mulher sensual, pode ser muito simples, um exemplo clássico que temos é a Gabriela de Jorge Amado, quem não a achava sensual, com toda a sua simplicidade?


Angélica Antunes 

A Indústria gerou as mulheres "Montadas" Bumbum na Nuca, silicone, etc... não generalizando, muitas mal sabem escrever, mas querem estar no topo da cadeia da pegação, como as deliciosas, e sinto que acabam até amedrontando os homens, com o que pode vir dali, porque muitas não são para amar, para divertir, para comer, são apenas para "Ver"



Izadora Valladares 


Não é um corpo perfeito, não é uma pele esticadíssima, nem um manequim 36,  que faz uma mulher ser sensual. A mulher pode ser alta, baixinha, gordinha, de cabelos brancos, vide Maryl Streep, mas o que a leva a ser sexy é o seu carisma, a sua personalidade, o seu senso de humor é não ser uma mulher engarrafada com rótulo padrão.

Anne Caroline 



Uma mulher sexy chama atenção mesmo quando usa óculos, ou roupas bem comportadas, quando se movimenta ou quando usa uma peça de couro atraente e quando dança, normalmente dão um show.

Soraya Forbes


E cada uma sabe explorar a sua sensualidade, porque conhece seus pontos fortes.
Mesmo o tipo comum, pode parecer exótico aos olhos desejosos de quem a vê.
Não são apenas as meticulosamente femininas que são sexys.  São as que sabem usar a sensualidade a seu favor.


Angela Veríssimo 

A sensualidade faz ela se sentir única. E não exita em convidar o parceiro quando ela precisa de "inspiração" para se sentir ainda mais sexy.



                    Yasmin Marrocos

Ser sensual é fugir de regras de 3, exatas, concêntricas, é se amar e se respeitar, acordar e se achar linda, se cuidando,  mas,  não se enlatando dentro de um clichê. Nem abdicando de quem está dentro de sua alma, para seguir um padrão social óbvio.

Beatriz Fiquer 

Anne Caroline 



Para as mulheres que não se sentem seguras para usar a sua sensualidade, descubra-se, toque-se, se admire, use o que a natureza lhe deu a seu favor. Claro que não vai agradar a todos, mas quando sentir-se feliz e segura que sabe chegar causando, com certeza vai encontrar em si o "Eu me amo"
Izabelle Valladares


Quando se achar uma mulher de VERDADE, com certeza vai encontra um parceiro ou parceira , de VERDADE, que vai te achar fenomenal, justamente por sua segurança em ser você mesma, seja com 20, com 30 , com 60 ou com 80 anos.

A Mulher sensual transpira sensualidade em qualquer idade.


Pedi fotos de mulheres que se julgam sensuais, outras eu mesma elegi sensuais e  escolhi as melhores para colocar nesse Post, mulheres que não apenas se acham... elas simplesmente são... poderosas, bonitas, gostosas e sabem onde querem chegar.

Ser sensual é tudo de bom!


Bia Niz 

Izadora Valladares 

Rai D'Lavor 
Débora Soares 
Val Valadares 
Maria Beatriz Silva 



Sandra Macena 

E. Campel 




Cláudia Cerqueira













20 de Novembro - Dia de ser consciente

"Que não seja apenas o dia da Consciência Negra, que seja o dia da Consciência humana, terráquea, da vida. Passos mal dados serão eternamente estigma para qualquer raça.Que os líderes tenham essa consciência, que não seja a religião, ou a cor da pele o mover de qualquer governo, ou de qualquer ordem, que a humanidade possa ser resgatada. Consciência é coisa de seres inteligentes, não chegamos ao topo da cadeia alimentar para matarmos sem ser por sobrevivência ou defesa, para aniquilarmos raças em nome de Deus, Alah, Seu madruga, pato Donald Trump ou qualquer porra. Vamos usar nossa inteligencia em prol da consciência e vice -versa, eu não vi os Dinossauros, mas quero que meus bisnetos vejam a água ainda na natureza, quero que nesse tempo, um negro no poder, ou um ruivo, ou um branco, não faça qualquer diferença para quem está assistindo o discurso de Posse, quero apenas a consciência de que fizemos o nosso melhor, O dia da Consciência negra é para conscientizar que um dia o mal foi feito e que somente a reparação dos danos podem equilibrar com igualdade lá na frente. Não sejamos negros, brancos ou pardos, sejamos justos e bons. Just It
Izabelle Valladares.


Eu gosto é de gente!

Chego a conclusão que eu gosto é de gente sem culpa. Que vai a luta da maneira que a vida lhe oferecer a luta. Que não
se envergonha de onde veio, nem de onde passou, nem de onde está.Que pode sentar em um boteco ou no lugar mais chique e saber quem ela é, sem precisar se consultar no espelho o tempo inteiro para saber se é ela quem está ali. Que bebe água, bebe suco, bebe cana, bebe Whisky, que não está nem aí para as modinhas sociais.
Que não se importa com o que você tem, somente com o que você é naquele momento ali pelo menos.
Que não torce o nariz quando escuta funk, mas fica doido pra sacudir o ombrinho, que não desfaz do reggae, ou forró, ou samba, muito menos do rock, que sabe dançar conforme a música, tipo... que se dane o que toca, o importante é que estou aqui, vivo e bem acompanhado, mesmo que o bem acompanhado seja você, você mesmo e seu halter-ego se este for convidado.
Eu gosto de gente que reza, que tem fé, que preza. Gente que sabe que o mundo não é só o que se toca. Odeio quem critica a religião ou a fé alheia, que se dane que você não acredita em nada, cada um com sua sentença, não precisa ficar atirando farpas em quem acredita, isso se chama acima de tudo respeito e educação, se você não acredita siga em paz com o que não crê, se fica tentando se mostrar o tempo inteiro, é sinal que não tem tanta convicção disso.
Gente que elogia quem tá de chinelo e cara lavada e que elogia quem está de salto e poderosa no make.
Gente que é feliz ano novo e boas festas todo dia, e não só no
final do ano, que é da paz o ano todo. Gente pra cima, que te coloca lá no alto que te diz... Cara, tu vai vencer!
Gosto de gente que não te faz sofrer.
Gosto de quem dá gargalhadas altas, que chora baixo sozinho ou acompanhado, que sabe seu momento de reclusão e não enche o saco dos outros com seus problemas, mas que acima de tudo saiba viver dentro do seu habitat natural.
Esse é meu mundo, essa é minha tribo! Boa semana pra gente que como eu é só gente.
Izabelle Valladares

Atenção Histéricas, depressivas, estressadas façam mais sexo : É a Cura! E descubram o motivo da confecção dos Primeiros Vibradores. Fato Real!

Caros leitores, hoje li uma matéria super interessante e lógico dei total razão, apesar de achar o método usado antigamente para o tratamento, bastante evasivo, deveria ser no minimo muito estranho ir para o medico para ter um orgasmo, mas dependendo do médico, a missão tratamento devia ser até muito agradável. Enfim, mais uma que eu não conhecia e compartilho com vocês. Vamos "dar" porque não se fazem mais médicos como antigamente kkkkkkkkkkkk

Pense em um médico desse, te tratando de Histeria Genital? Ai , ai em Pai....



Aí eu iria morrer de histeria kkkkkkkkkkk


histeria feminina já foi um diagnóstico comum que, hoje, está completamente desacreditado. Em 1859, um médico chegou a dizer que um quarto de todas as mulheres sofria com histeria feminina. Outro médico catalogou 75 páginas de sintomas que caracterizavam a histeria feminina. De acordo com o documento, quase todos os males que o corpo humano sofre, independente do motivo, poderiam ser caracterizados como sintomas da doença.

Nestes tempos, mulheres que sofriam de irritabilidade, insônia, ansiedade, dores de cabeça, choro e falta de apetite, entre outros sintomas, eram diagnosticadas com “histeria”, uma doença psíquica que atingia apenas mulheres. Acreditava-se que a doença era causada por perturbações no útero associadas a insatisfação sexual. Acreditava-se que o “fogo” das mulheres estava diretamente ligado a uma doença que não levaria a morte, mas precisava de um tratamento terapêutico feito pelo médico no consultório mesmo.
Assim, para abrandar os sintomas da “histeria”, o tratamento aconselhado era a massagem genital, feita diretamente pelo médico. Com as mãos, o médico estimulava a paciente até que ela atingisse o “paroxismo histérico”, um momento em que a mulher se acalmava depois de  episódios de gritos e gemidos. As mulheres precisavam visitar o médico regularmente para o tratamento da histeria e eram levadas pessoalmente pelos maridos que aguardavam do lado de fora do consultório.
Esse mesmo tratamento já havia sido indicado muito antes, em 1653, pelo médico holandês Pieter Van Foreest em que recomendava para  a histeria, a ajuda de uma parteira para efetivar-se a massagem na genitália, usando óleo de lírios como lubrificante.
Toda essa sintomatologia combinada com o funcionamento normal da sexualidade feminina, e para a qual o alívio, era obtido através do orgasmo, seja através de relações sexuais com o marido ou por meio da massagem no consultório do médico.

A verdade é que essa massagem íntima era uma tarefa cansativa, e muitas pacientes demoravam horas para chegarem ao tal “paroxismo histérico”. Os médicos então, passaram a ter problemas nas mãos devido ao esforço repetitivo. Assim, para agilizar as sessões nos consultórios, o médico americano George Taylor patenteou, em 1869, o primeiro vibrador, chamado de “The manipulator“. Apesar deste ser um dispositivo grande e de aspecto assustador, o aparato levava as mulheres ao “paroxismo histérico” mais rapidamente, permitindo aos médicos descansar as mãos e atender mais pacientes.
Fonte:

http://diariodebiologia.com/2015/08/no-seculo-xix-uma-doenca-conhecida-como-histeria-feminina-era-tratada-com-massagem-genital-feita-pelo-medico/

Difícil sair de cena, mas, necessário!


Muitas vezes é difícil abdicar de um relacionamento, decidir a hora de dizer para nós mesmos que simplesmente acabou, que não tem volta, que aquela pessoa que um dia foi a sua escolha, hoje já não é nem a sua opção. 
Decidir a hora em que seu interior precisa se esvaziar de tudo que é ligado a quem um dia amou é uma hora de muita maturidade e entendimento que a sua essência precisa ser restaurada, e isso vai ter que fazer sozinho. 
Chega um momento em que é necessário se libertar do que já não é mais seu, entender que não tem novas tentativas, novas chances, novas reconciliações, novos perdões, que não dá mais para tentar de novo, porque o veneno da angustia de querer salvar algo que não tem salvação também sufoca. 
Por mais que alimentemos a esperança que a coisa pode um dia voltar a ser como antes, nem sempre a outra parte está vendo da mesma forma e casal é par e não pode ser ímpar nunca. Temos que entender que não somos nenhum ditador que irá obrigar que os sentimentos do outro sejam iguais aos nossos.
Muitas vezes estamos como naqueles desenhos animados em pequenos barcos com um furo jorrando água e ao invés de pular e tentar se salvar, perdemos nosso precioso tempo tentando esgotar a água, e no final o único esgotado é você mesmo. Não adianta criar na sua cabeça que o outro gosta e finge que não gosta, que ama mais é seco, que te deseja mas está fazendo jogo, no amor isso não existe, quem ama ... ama, quem tem tesão...tem tesão, quem quer... quer ficar perto. Temos que aprender a entender as entrelinhas do cotidiano, quem se importa não finge não se importar, quando não se importa, não se importa mesmo, pode até lhe fazer um favor ou outro, por caridade, como faria para qualquer outra pessoa, ou por culpa, mas não por realmente ver uma necessidade de estar perto de você para o que precisar.
Não adianta achar que com o tempo as coisas vão melhorar... elas não vão. Amor se conquista, se ganha, se usa, mas, se esgota e se perde também.
Idealizar um romance de filmes é o que todos queremos, mas muitas vezes nos auto-flagelamos fingindo que a falta de romance é o que temos e é o que sobrou para nós, no entanto, mesmo cada pessoa se expressando da sua maneira, não podemos aceitar receber o que não merecemos. Entenda, não que toda pessoa seja docemente açucarada para o amor, isso seria um sonho, ou um pesadelo onde todos nós teríamos olho em formato de coração, mas ... amor é amor. Não precisa ter um coração de pétalas de rosas toda semana na casa, mas, abrir os olhos e ver que quem está ao seu lado é quem quer estar ali, de coração aberto, desejando a sua presença e o seu acordar, não tem preço! 
Infelizmente, as vezes fingimos não entender que nosso parceiro já se foi há muito tempo. Já te largou estando ao seu lado, já não há sorrisos espontâneos, nem olhares cruzados, que a despedida já começou faz tempo e só você não percebeu. 
As mãos na cozinha não se encostam, o passar e dar uma encostada básica já se torna um pulo pra trás e deitar e sentir só as batidas daquele coração, já não está no script há muito tempo e só você que não percebeu e quando acordar e ver que aquela pessoa já não estava ali, o é que vai perceber o quanto será bom e necessário respirar   e se libertar. Tornar-se vazio é difícil, quando se tem uma alma cheia de amor para dar, mas, até os rios precisam se esvaziar de vez em quando para que a vida se renove. 
Quando uma relação não dá certo, não quer dizer que ela foi ruim, ela só não deu certo, sofrer calado e se entregar por inteiro para quem não está lhe entregando nem 10% do que você busca é simplesmente o aceitar a derrota da sua relação consigo mesmo. 
Recomeçar também faz parte. Não é preciso temer o amor.É preciso sim, selecionar, ser atento aos sinais, entender que fez sua parte, mas que está na hora de pegar sua mala e partir pra outra. 
Não se apegue ao material, a reconstrução, tudo pode conquistar de novo e muitas vezes, quando nossa felicidade e liberdade de sermos plenos está em jogo... percebe-se que o que achávamos que era tudo, não era nada.
Tem muita gente boa sozinha, querendo amar, querendo compartilhar e quem sabe ela não está bem pertinho e nós com a visão embaçada do egoísmo de não aceitar um fim, estamos nos privando de viver isso e dando oportunidade para que o destino faça sua trama e vocês nunca se quer se esbarrem? 
A hora de sair de Cena, muitas vezes é necessária. 
Trilhar novos caminhos não significa começar tudo de novo, afinal, nossa mala já está cheia de experiências, de vida, de aprendizados. 
Abra-se para amar de novo, saia de cena com classe, chore rios de lágrimas sozinho ou com seus amigos, levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima. 
                                                                      Izabelle Valladares

Izabelle Valladares, nascida em Niterói, neta do Jornalista baiano Antônio Andrade, ganhador do Prêmio Esso de Jornalismo de 1968, herdou em laços sanguíneos a paixão pelo jornalismo e pela escrita. 
Autora de mais de 20 livros solos, presente em mais de 100 obras de co-autoria, ganhou diversos prêmios nacionais e internacionais.Destaca-se no gênero conto, e ministra oficinas em escolas e centros culturais internacionais sobre o Tema. 
É apresentadora do Programa de roteiros turísticos "Vamos que vamos por aí!", considera-se uma cidadã do mundo. 

Estarei Ministrando a Oficina de Contos no Paraguai


Prêmio Literarte 2016 - Curitiba- Paraná - Anuncia Lista de Homenageados e Programação Completa



Entre os dias 5 e 7 de Agosto a Capital Paranaense irá respirar e celebrar a cultura, em um dos grandes Prêmio Promovidos pela Associação Internacional de Escritores e Artistas que promete mais uma vez, seguindo o sucesso dos anos anteriores, emocionar e trazer a público os nomes que se destacaram em Literatura, Artes Plásticas, Música e Jornalismo.




Programação: 

Sexta- Feira: 

O Evento terá seu ponto de Partida no dia 5 de Agosto no Palacete Wolf, com o apoio da Fundação Cultural de Curitiba, onde estaremos promovendo um Café Literário de Boas-Vindas, juntamente com um pequeno Sarau, das 15h às 17:30h .


 Neste momento serão lançados os livros Solos Inéditos de Alguns escritores como Solange Figueiredo, Neyd Montingelli, Roberto Ferrari, Lilian Fernandes, Marilina Baccarat de Almeida Leão , Renata Silva de Barcellos , Maria Lopes , Maria Luiza Vargas Ramos e Barão J.O Rocha e Ale Dossena do Portal Literário.
A Abertura terá uma apresentação sobre o Projeto idealizado pela Escritora Dinoráh Couto Cançado "Brasília Capital das leituras


















Em seguida, às 20:30h,  o Grupo irá ser recepcionado no Restaurante Madalosso, O Maior restaurante da América Latina, onde teremos um jantar Italiano no Salão reservado Gênova









 e a Entrega da Medalha Fernando Pessoa de Honra ao Mérito, a noite será em homenagem ao grande Poeta Português, que deixou um legado com a sua poesia, além do Lançamento das Coletâneas Palavras sem Fronteiras V e do Livro do Festival Internacional de Contos Lusófonos, além de um Sorteio de Brindes e nosso tradicional Sarau de Boas Vindas com a Música de Maurício Paranaguá,




que promete embalar os Artistas e seus convidados com um repertório envolvente  que inclui as músicas " Como é grande o meu amor por você , Lo Che amo solo te, The End of Rainbow entre outros sucessos, além de Participações Especiais de nossos também Multi-artistas Luiz Poeta, João Bosco e Italo Anderson.





Sábado: 

Começaremos o dia com o City Tour Guiado pelos principais pontos turísticos de Curitiba, a equipe do Programa Vamos que Vamos por aí, volta a gravar a Segunda Temporada em Curitiba e as gravações seguirão com o grupo. Iremos visitar o Centro Histórico, Ópera de Arame, Memorial Ucraniano entre outros pontos interessantes, retornaremos ao Hotel às 13h, quando o grupo terá uma pausa até às 17:30 de Descanso.





Sairemos do Hotel às 18:00 para o Memorial de Curitiba,





onde daremos início aos trabalhos às 18:30 com uma Palestra com a Escritora Lúcia Helena Issa , correspondente Internacional do Repórteres sem Fronteiras, sobre a realidade vivida pelas mulheres na Palestina,




e em seguida teremos a abertura da   Cerimônia de sábado às 19h, impreterivelmente, e a grande noite de Homenagens e Entrega do Troféu Melhores do Ano Literarte 2016.


Teremos apresentação de Claudia Mury, e a Música do Célebre Marcos Assumpção.






http://www.marcosassumpcao.com.br/


Após a Entrega, teremos um Cocktail no próprio espaço, para celebramos e confraternizarmos com todos os artistas e seus convidados.

Domingo: 

Sairemos do Hotel às 9:30 para a Feira do Poeta, a Literarte preparou centenas de Camisetas para distribuição com obras de nossos artistas plásticos e Frases de nossos escritores  e nesse momento teremos apresentação de Livros já lançados, onde serão colocados para venda e de Brinde com a compra, o Leitor Ganha 1 camiseta.







Em seguida iremos para o almoço na Churrascaria Nova Estrela, onde nos despediremos certamente com saudades de nosso final de Semana.





Agradecemos a Fundação Cultural de Curitiba por todo apoio dado a Estruturação desse Evento, e ao Coordenador da feira do Poeta por todo carinho para com a Literarte.

Mas não se esqueçam...

Quem Aparece, passa por aqui! Vamos que vamos! 

Equipe Literarte e Programa Vamos que Vamos por aí Presente: 






                                                                Homenageados 2016