Alforria emocional



"Hoje me deparei com um sentimento diferente em minha alma,queria uma liberdade que sei que já tenho, e não sei por que não me doava há muito tempo.

Estava há meses em uma louca relação unilateral, aonde só eu doava, aonde só eu amava, aonde só eu tentava mostrar o melhor de mim...

Os dias se passaram e fui percebendo que este sentimento além de me fazer mal, me limitava, já não havia mais inspiração para escrever, já não havia mais disposição pra nada, e não pensem que era uma relação do outro mundo, ou que o cara era sexualmente fantástico, não!! simplesmente eu estava acorrentada a espera da felicidade que poderia vir ou não vir... na minha incessante busca pela relação perfeita, pela família sorrindo no porta retrato,e fui percebendo que não preciso de outra pessoa me sugando em troca de felicidade,não sou nenhuma heroína de séries americanas querendo ser a independente e feliz, quero alguém do meu lado.Dependo disso!
Mas quero uma relação saudável!
Cortei as correntes que me prendiam, deixei de ser escrava da minha relação e recebi de mim mesma a minha alforria emocional.
Se vou ser feliz livre? eu também não sei, mas sei que livre das amarras que me limitavam, poderei ser eu mesma e quem sabe um dia? descobrir que não existe cara metade, que tudo não passou de uma linda história que vovó me contava.
Share on Google Plus

Um comentário:

  1. Ontem conversavamos a respeito disso aqui em casa .. de quem é culpa , do ser que domina , ou do que se deixa dominar ??? Como é dificil entender essas realções interpessoais , e tb como é delicioso entender algumas ... Quando o Amor é verdaeiro esse tipo de questinamente parece não surgir, só tempo para Amar e nada mais !!! Bjus

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar em meu Blog, sua visita é uma honra, caso deseje fazer alguma solicitação pode usar meu e-mail valladares@grupoliterarte.com.br