Wilson Simonal - Condenado por um passo mal dado.

Ninguém sabe o duro que dei


Acho que a nova geração nunca deve ter ouvido

 falar de Wilson Simonal.
 Um dos maiores artistas que este país já teve. 
Conhecido pela sua musicalidade louca de juntar 
Mpb e R&B.(Rhythm and Blues)
 Simonal fez grande sucesso na década de 60
 e no começo da década de 70. 
Sendo reconhecido internacionalmente.
 (Principalmente nos Estados Unidos e Portugal)

A música "País Tropical", foi um dos seus maiores hits.

 (Apesar de ter sido composta por Jorge Ben Jor)
A música fez um sucesso estrondoso na voz de Simonal. 
Em 1970, acompanhou a seleção brasileira de futebol
 na Copa do Mundo, realizada no México, 
onde tornou-se amigo dos jogadores de futebol
 Carlos Alberto e Jairzinho e do maestro Erlon Chaves.

Na época feia da ditadura, 

Simonal entrou em uma
 grande encrenca envolvendo o seu 
contador. 
Simonal teria sido vítima de um desfalque
 e demitiu seu contador, Raphael Viviani,
 o suposto culpado.
 O mesmo entrou com uma ação trabalhista 
contra Simonal. (Até ai tudo tranquilo.) 
A cagada de Simonal foi ter ido com 2 amigos 
militares para tentar tirar uma confissão do roubo. 
O Contador foi torturado dentro do Dops. 
(Serviço de Inteligência e considerada a 
policia da época.)

O problema é que o contador denunciou o Simonal e, 
quando os jornais noticiaram o fato, os envolvidos foram obrigados a se explicar. 
Wilson Simonal ficou taxado desde então, ficou conhecido como o cara que 
dedava tudo o que acontecia no meio artistico para os militares.

Simonal foi processado sob acusação de extorsão mediante sequestro do contador. 
Ele levou como testemunha um dos seus amigos que trabalhava no
 Departamento de Ordem Política e Social do então Estado da Guanabara,
 Mário Borges, que o apontou como informante do Dops. Outra testumunha do caso, 
um Sargento do I Exército, afirmou que Simonal colaborava com a unidade.

Wilson Simonal caiu no ostracismo devido a isso.
 O povo e principalmente os músicos da época o
 taxavam como dedo duro. Isso graças a mídia 
sensacionalista da época.
 Discos do cantor que antes vendiam como água, 
acabavam sendo boicotados e Simonal foi perdendo espaço.
 Há pouco tempo atrás, foi comprovado que Simonal 
não fez parte do Dops e que todas as alegações de 
sua colaboração a entidade foram falsas.

Não foi feito nem um pedido de desculpas. 
Wilson Simonal morreu em 2002, vítima 
de cirrose hepática decorrente do alcoolismo.

Segundo sua segunda mulher, Sandra Cerqueira, 
"Ele dizia para mim: 'Eu não existo na história da 
música brasileira' "
Share on Google Plus

Um comentário:

  1. Para mim, não interessa o que se o que dizem é verdade ou não. Para mim não é verdade, sempre fui fanzão do Simonal e sinto muito o que lhe aconteceu.

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar em meu Blog, sua visita é uma honra, caso deseje fazer alguma solicitação pode usar meu e-mail valladares@grupoliterarte.com.br