Visitando Buenos Aires – Argentina


Conhecendo a Buenos Aires- Argentina






Buenos Aires é a Capital da Argentina, país da América do Sul, repleto de bairros charmosos.
Sua língua oficial é o Espanhol, como em toda Argentina, é o segundo maior país da América do Sul em território e o terceiro em população, constituída como uma federação de 23 províncias e uma cidade autônoma, Buenos Aires. É o oitavo maior país do mundo em área territorial e o maior entre as nações de língua espanhola, embora México, Colômbia e Espanha, que possuem menor território, sejam mais populosos.
O dinheiro usado na Argentina são os Pesos Argentinos, moeda pouco valorizada o que faz a festa dos países vizinhos que desejam comprar produtos de boa qualidade com bom preço.
A área continental da Argentina está entre a Cordilheira dos Andes a oeste e o Oceano Atlântico, a leste. Faz fronteira com Paraguai e Bolívia ao norte, Brasil e Uruguai a nordeste e com o Chile a oeste e sul. A Argentina reivindica uma parte da Antártida, sobrepondo as reivindicações do Chile e do Reino Unido no continente antártico, mesmo após todas as reivindicações terem sido suspensas pelo Tratado da Antártida de 1961. O país reivindica ainda as Ilhas Malvinas (em espanhol: Islas Malvinas) e Geórgia do Sul e Sandwich do Sul, que são administradas pelo Reino Unido como territórios britânicos ultramarinos.A área continental da Argentina está entre a Cordilheira dos Andes a oeste e o Oceano Atlântico, a leste. Faz fronteira com Paraguai e Bolívia ao norte, Brasil e Uruguai a nordeste e com o Chile a oeste e sul. A Argentina reivindica uma parte da Antártida, sobrepondo as reivindicações do Chile e do Reino Unido no continente antártico, mesmo após todas as reivindicações terem sido suspensas pelo Tratado da Antártida de 1961. O país reivindica ainda as Ilhas Malvinas (em espanhol: Islas Malvinas) e Geórgia do Sul e Sandwich do Sul, que são administradas pelo Reino Unido como territórios britânicos ultramarinos.

No comércio e nos restaurantes, o real era aceito em torno de 70% dos estabelecimentos que visitei; acreditem se quiserem é melhor trocar o dinheiro lá, pois o Câmbio lá é 4 por 1 e aqui 3 por 1 (Cotação setembro de 2013)
Nos restaurantes e lojas eu paguei com pesos, dólares ou reais, de acordo com o que fosse mais vantajoso no momento.Também aceitam bem os cartões de crédito.

O Argentino em geral é honesto, mas é bom evitar a troca de dinheiro na Rua, aliás, o que mais tem no centro de Buenos Aires são cambistas oferecendo as moedas por uma boa cotação.
O taxi na Argentina é amarelo e Preto e são bem mais baratos que aqui no Brasil, uma corrida de por exemplo 30 kms que no Brasil pagamos cerca de 60 reais , em Buenos Aires não passa de 15 reais.
Para pegar táxis lá é muito tranqüilo. São em torno de 30 mil carros, e em todo lugar sempre tem algum passando.
Refeições
Como na maioria dos países que visto normalmente servem um carne e uma salada ou uma batata, fomos nas famosas Parrilas Argentinas que são as churrascarias, mas não gostamos da carne, os bifes são muito grossos e muito crus, também servem todo tipo de carne misturada e chouriço junto, enfim o cheiro é muito forte e não é lá estas coisas, as entradas normalmente são empanadas, estas sim …deliciosas! Parecem um pastel de forno, com recheios variados, são muito saborosas e custam bem baratinhas, em média 2 reais.
Uma excelente opção de passeio e almoço é a visitação ao Museu de Evita Perón, que fica no bairro de Palermo, além de conhecer a vida, desta mulher amada e venerada por muitos argentinos e odiada por muitos outros, o Museu tem um anexo com um restaurante muito charmoso que serve a comida com um bom preço, uma média de 20 reais, entrada, almoço, sobremesa e 1 bebida (Vinho, cerveja ou refrigerante) , Magnífico!





Endereço e informações no Site do Museu ( http://www.museoevita.org/)




Reservas al [011] 4800-1599
J.M.Gutiérrez 3926
Gran patio calefaccionado. Wi-fi. Pet friendly.
www.museoevitaresto.com.ar







Visitando Recoleta

Recoleta é um dos bairros mais charmosos e que mais se assemelham a capital Portenha Européia.
Com museus e o principal cemitério da Cidade, Recoleta é também um excelente bairro para se hospedar e sair um pouco do confuso Micro centro de Buenos Aires.
Elegância e sofisticação se unem em seus museus, galerias, cafés e boutiques, fazendo da Recoleta um passeio simplesmente imperdível.
Em Recoleta você pode visitar a Plaza Francia e passear por restaurantes com bons preços e excelente comida.
Cemitério da Recoleta  (Av. Quintana e Junín) Um clássico de Buenos Aires é passar pelo cemitério da Recoleta, um dos mais bonitos e mais visitados do mundo. Suas tumbas guardam os restos de famílias tradicionais argentinas, além de grandes personagens históricos. Evita, apesar de protestos por suas origens humildes, conseguiu ser enterrada aqui e hoje repousa na cripta da família Duarte. A tumba é modesta mas muitíssimo procurada. Os guardas podem dar indicações sobre como encontrá-la.

Caminito um dos meus bairros preferidos



Caminito tem uma história muito singular, o bairro formou-se  com os imigrantes que trabalhavam no porto, e foram construindo suas casas de restos de navios e sucatas , é um excelente bairro para compra se souvenirs para almoçar, etc…
Alguns bares oferecem música e dança, e estão sempre cheios de turistas, principalmente os brasileiros, ,mas atenção, há furtos em Caminito, portanto cuidado com bolsas e carteiras.


Nesta foto a amiga Selma está assistindo uma apresentação de um músico de Rua.


Os Shows de Tango estão por toda a parte


















NO Centro de Buenos Aires , existem excelentes lugares para compras e shows , um deles que não pode deixar de ser visitado é a galeria pacífico.


Livrarias: Argentino é apaixonado porLivros

As livrarias são uma marca registrada da capital argentina. Distribuídas pela cidade, sejam elas pequenas ou grandes, atraem diariamente nativos e turistas em busca de um bom lugar sentar, beber um café e ler. Abaixo, confira cinco interessantes opções para se visitar.
El Ateneo Gran Splendid
A mais famosa livraria de Buenos Aires – e uma das mais importantes do mundo, de acordo com pesquisa do jornal britânico “The Gardian” – já abrigou um teatro de ópera (o Gran Splendid) e um cinema. Atualmente conta com mais de 120 mil livros em suas prateleiras, um bar e um café, este último localizado no palco do antigo teatro. Definitivamente, um ponto turístico da capital portenha. Endereço: avenida Santa Fé, 1860, Centro. Tel.: 00xx 54 11 4813.6052
Clássica y Moderna
A impressão é de estar em um café, mas trata-se de uma livraria requintada de Buenos Aires, digna de premiações do governo local, como a Medalha do Bicentenário, dada pela difusão, promoção e defesa do livro e da leitura. Conta com um restaurante e eventuais shows de tango e jazz. Endereço: rua Callao, 892, Recoleta. Tel.: 00xx 54 11 4812.8707
Walrus Books
Pequena e agradável livraria dedicada a livros em inglês. O dono, Geoffry, professor de inglês no Estados Unidos, se mudou para a Argentina depois de se apaixonar por Josefina, sua esposa. Nas prateleiras estão mais de 6 mil livros de diferentes temas, como literatura, história argentina e da América Latina, e poemas. Endereço: rua Estados Unidos, 617, San Telmo. Tel.: 00xx 54 11 4300.7135
Eterna Cadencia
Fundada em agosto de 2008, reúne obras de literatura nacional e internacional. Além produzir os próprios livros e de ser bem decorada, possui um aconchegante pátio (transformado em café) e um terraço que serve de ponto de encontro em eventos literários. Endereço: rua Honduras, 5574, Palermo. Tel.: 00xx 54 11 4774.4100
Boutique Del Libro
Se divide entre livraria e café. A boa notícia é que conta com os melhores livros das editoras locais, além de ceder espaço para eventos e lançamentos. A má notícia é que, na maioria das vezes, está lotada. Endereço: rua Thames, 1762, Palermo. Tel.: 00xx 54 11 4833.6637








Bom amigos, ainda há muitos lugares para se conhecer em Buenos Aires além de diversas opções de lugares para efetuarem boas compras.
Arrumem as malas e não percam esta viagem! É sempre Inesquecível e não comentem sobre Futebol com os taxistas argentinos, pois eles não param mais de falar, são comentaristas profissionais.

Beijão e até a Próxima parada!
(OBS: As fotos são de amigos que fizeram a viagem conosco)
Share on Google Plus

Um comentário:

  1. Amei estarmos juntos nesse passeio a Buenos Aires, o melhor de tudo foi estar com você!

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar em meu Blog, sua visita é uma honra, caso deseje fazer alguma solicitação pode usar meu e-mail valladares@grupoliterarte.com.br