Conhecendo Robespierre - O Incorruptível _ Viagem na História

Olá amigos e Leitores, seguindo a linha de Postagem de Fotos antigas e de pessoas que marcaram a humanidade, eis que chego a Robespierre, um mártir na Revolução Francesa.



Estava eu essa semana ajudando minha filha a estudar para a prova e dei de cara com este personagem intrigante que mudou o Rumo da Revolução Francesa, e por um período, esteve a frente do Jacobinos que eram o partido da Esquerda na França e logo em seguida, foi perseguido e Guilhotinado.

Robespierre Nasceu em Arras, no interior da França, em 1758, e para um menino do interior de família burguesa mas sem titulo nenhum de nobreza em uma frança que acabava de destituir o poder absolutista, até que o menino foi longe.

Robespierre, batizado Maximilien François Marie Isidore de Robespierre  e depois chamado de "O Incorruptível" estava infiltrado na densa camada do Terceiro Estado que tinha além de camponeses, os burgueses e o povo em geral, todos descontentes com o abuso do poder absolutista da Realeza e do Clero e do abuso dos mesmos em cobrar impostos caríssimos e com privilégios que os protegia sempre, gerando uma calamidade econômica tão grande que fez o rei perder o poder.
Robes, assim chamado pelos amigos, perdeu a mãe muito cedo, e logo em seguida o pai também o abandona, mas Robes, partiu para Paris para estudar direito e logo, ganhou fama por defender os pobres e lutar contra arbitrariedades da Justiça e por sua retidão de caráter ganhou o apelido citado acima.


Em uma época em que um bom discurso fazia toda diferença, Robespierre largava na Frente e foi eleito um dos Deputados a representar sua cidade na Assembleia dos Estados Gerais, que aconteceu um pouco antes da decisão da Revolução representando os Burgueses que já eram uma classe forte na época. Algo na França dizia que as cabeças começariam a rolar... e rolaram mesmo, nem o Rei e nem mesmo Robespierre foram poupados.
A Revolução seguiu dividida em 2 partidos os Jacobinos e os Gerondinos, quando os Jacobinos ganharam a frente sendo maioria, mesmo liderados por Robespierre, instalaram um clima de terror na França, que ia de encontro aos ideias revolucionários, assim, muitos nobres foram decapitados e até mesmo alguns revolucionários Gerondinos foram perseguidos, começa assim o Caos Total que levaria a França a cair nas mãos do vaidoso e ambicioso General napoleão Bonaparte.
A ideia imposta por Robespierre era contrária aos atos praticados, a revolução clamava por Liberdade, Igualdade e Fraternidade e os inimigos do Povo deviam ser massacrados, acontece que Robes, acabou caindo em sua própria Teia quando os Gerondinos conseguiram chegar ao poder e se Robespierre e os Jacobinos não agradavam ao Povo, o destino era o mesmo que a nobreza... Guilhotina neles!
Assim em Julho de 1794, após um golpe, Robespierre e seus parceiros foram presos, dando um novo rumo a Revolução já instalada.


Personagem contraditório na história, horas visto como herói, hora visto como um ditador sanguinário, Robespierre não fez sua passagem pela terra em vão, fazendo parte de um dos capítulos mais emocionantes e surpreendentes de nossa história, onde um Rei foi Decapitado, os líderes eleitos pelo povo acabaram sendo algozes deles mesmos, onde reis vizinhos ficavam a espreita tentando tomar o poder e enquanto isso, o General napoleão que lutava em terras longínquas preparava-se para chegar em grande estilo, em meio as Brumas, não as de Avalon, mas as do Brumário como se definia o mês nebuloso no calendário Gregoriano , chegava e vendo a bagunça instalada pelo partido A e B, tomou o poder, centralizou-o e também ganhou o seu lugar ao Sol, ou seja... na História.




Share on Google Plus

0 comentários:

Obrigada por comentar em meu Blog, sua visita é uma honra, caso deseje fazer alguma solicitação pode usar meu e-mail valladares@grupoliterarte.com.br